segunda-feira, 25 de maio de 2015

Pentecostes é celebrado com festa pela Comunidade

 

No sábado (23) a noite, a nossa comunidade celebrou a festa de Pentecostes com uma Missa Solene.














A Celebração que foi presidida pelo Pe. Emanoel Vergne reuniu centenas de fiéis que num clima de alegria e oração, louvaram ao Divino Espírito Santo.




















A animação ficou por conta do Ministério de Música do Grupo de Oração Carismática com a participação da Mini Banda.











 
























As crianças do PROEMUCI também tiveram uma participação especial cantando o hino do Glória.




Na homilia, Pe. Emanoel ressaltou que Pentecostes é a promessa de Cristo a sua comunidade. É uma festa que se espera com grande expectativa como recebimento da 3ª Pessoa da Trindade que veio ao encontro dos mortais. O mesmo Espírito que só Jesus tem e por isso, só Ele pode dar, vem sobre a comunidade.



Ser de Cristo, é ser do Espírito. E este derramamento, esta efusão é que nos faz de fato diferentes, novos. Hoje é dia de pedirmos em nossa oração, que Jesus mande o seu Espírito para continuarmos a nossa missão. Muitas vezes ficamos preocupados com tantas coisas que nos esquecemos de pedirmos o mais importante: o Espírito Santo. 



No evangelho, a paz é entendida não como uma saudação qualquer, mas como um dom interior; é de fato uma aliança que vem do Espírito Santo. A paz é dada como um novo recomeço, uma nova experiência com o Ressuscitado. 


















Após a homilia, aconteceu o batizado da pequena Débora Hanna, cuja família é formada por membros atuantes da Comunidade.

A festa de Pentecostes, originariamente conhecida como a festa da colheita (cf. Ex 23,16) era, no Antigo Testamento, uma celebração da bondade de Deus que dera a seu povo “uma terra de trigo e cevada, vinhos, figueiras e romãzeiras, uma terra de óleo de olivas e de mel” (cf. Dt 8,8). Como resposta de ação de graças, os israelitas ofereciam-Lhe, entre cantos de alegria, as primícias de suas colheitas. - See more at: http://www.franciscanos.org.br/?p=18056#sthash.D963XRzX.dpuf






















A festa de Pentecostes, originariamente conhecida como a festa da colheita (cf. Ex 23,16) era, no Antigo Testamento, uma celebração da bondade de Deus que dera a seu povo “uma terra de trigo e cevada, vinhos, figueiras e romãzeiras, uma terra de óleo de olivas e de mel” (cf. Dt 8,8). Como resposta de ação de graças, os israelitas ofereciam-Lhe, entre cantos de alegria, as primícias de suas colheitas. - See more at: http://www.franciscanos.org.br/?p=18056#sthash.D963XRzX.dpuf
Neste dia solene, que o Espírito Santo abra o nosso coração ao amor e a solidariedade com os irmãos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário